terça-feira, 15 de outubro de 2013

Padahastasana - postura de flexão para frente

Técnica:  Fique em pé com as mãos dos lados do corpo. Lentamente dobre a cabeça para frente, e depois a parte superior do corpo e depois a parte inferior do corpo. O corpo deve dobra-se para frente como se não tivesse músculos nas costas. Coloque os dedos das mãos em baixo dos dedos dos pés, com as palmas voltadas para baixo, se não for possível, toque o chão com as pontas dos dedos, se isto também não for possível, aproxime os dedos do solo o máximo possível. Aproxime o máximo possível dos joelhos. Mantenha a postura o tempo que for comodo e volte lentamente a postura inicial.
Nota: Mantenha as pernas retas durante todo o movimento. Não force os músculos dobrando o tronco mais do que a sua flexibilidade permita. 
Respiração: Expire ao dobra-se para frente. Respire lenta e profundamente na postura final. Inspire ao voltar a posição inicial. 
Permanência: um minuto.
Concentração: Na relaxação dos músculos das costas e na respiração.
Forma dinâmica:

Técnica: Fique em pé. Levante os braços sobre a cabeça e incline-a para trás. Dobre o tronco para frente e toque o chão com as mãos. Permaneça assim por um ou dois segundos e volte a posição inicial.
Respiração: Expire ao dobrar o tronco a frente e mantenha os pulmões vazios. Inspire ao voltar a posição inicial.
Permanência: Repita quantas vezes puder, sem se cansar demasiadamente.
Benefícios: (Para as duas formas) Elimina o excesso de gordura, principalmente na forma dinâmica. Elimina a flatulência, a constipação e a indigestão. Faz com que a coluna e os músculos das costas relaxem e se tornem flexíveis. Estimula e tonifica todos os nervos da coluna vertebral e acelera o metabolismo. Influência os órgãos sexuais e de excreção. Prepara um parto livre de complicações. Estimula os processos de excreções, que reduz as possibilidades de enfermidades. Irriga o cérebro e os órgãos faciais. Este asana é muito útil, pode-se praticar a qualquer hora do dia, com as limitações referentes a práticas depois da alimentação. É a versão em pé de Paschimottanasana.
Histórias, Mitos e Lendas

Nenhum comentário:

Postar um comentário