terça-feira, 27 de novembro de 2012

A vida é tão bonita quando a gente sabe o que fazer com o tempo que sobra


A gente só cresce com o sofrimento!
Nossa sempre tive bronca desta frase, não dá pra crescer na felicidade? Eu sempre fui feliz, e sempre acreditei nas escolhas que fiz e achava que já estava madura, sempre fui consciente e coerente. Estes dois últimos anos foram de sofrimentos profundos, momentos de desesperos, de solidão, noites inteiras em claro, dores profundas na alma, sensação de desalento total, medo,  fim de mundo... Mas o mundo era meu e eu não podia deixar findar.
_Aquariana, não, as coisas não são fáceis, mas eu consigo, eu resolvo! 
E assim fui aprendendo e abrindo caminhos. Dois anos e  chega a noticia: Exames negativos. Acabou! o sofrimento acabou! Consegui dormir uma noite inteira sem sonhos malucos. Acordar, numa manhã linda, olhar para minha mãe e ver a vida renascendo, sorriso no rosto, brilho nos olhos, planos... deu certo. Acabaram as dores, acabou a correria, acabou a agenda, acabou o medo.  A vida agora só precisa de manutenção. 
Hora de reflexão, eu sempre faço isso quando algo finda, olho e analiso o que fiz de errado o que fiz de certo.
E eu vi que aprendi coisas que me envergonham:
Aprendi a perder a paciência,
Aprendi a me revoltar,
Aprendi a xingar,
Aprendi a falar alto,
Aprendi a ser egoísta,
Aprendi a mentir.
Tudo isto foi consciente, me sentia corrompida, me sentia culpada.
Mas aprendi também coisas boas:
Aprendi a chorar na frente de qualquer pessoa,
Aprendi a ter medo,
Aprendi a rezar,
Aprendi a pedir,
Aprendi a dividir,
A me abrir,
Aprendi a segurar uma mão,
Aprendi a agradecer,
Aprendi a ser transparente,
Aprendi a pedir perdão,
Aprendi a amar,
Aprendi também que quando você faz tudo isto algumas pessoas vão embora, mesmo estando vivas, acho que aprendi como é um ser humano, ou como é parte dele, tem tantos outros sentimentos que ainda não vivi.
E agora que acabou, que sobra tempo, bora desaprender as coisas erradas... Tempo? 2013 já esta ai....melhor levantar a mão em abhaya mudra "gesto que significa sem medo" para ele. 
A vida é tão bonita quando a gente sabe o que fazer com o tempo que sobra. Quando aprendemos a respeitar, admirar e aceitar lágrimas e  sorrisos nossos e  alheios. Quando, por último, aquilo que queremos coincide, ou quase, com aquilo que realmente precisamos. E eu precisava de tudo isto.
Yatna, seja bom! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário